fbpx

7 Coisas que temos de saber fazer para sermos felizes

Muitos questionam o que é afinal isto de sermos felizes. Alguns consideram ser uma utopia. Há quem diga que é algo inalcançável. Existe quem prefira fingir que é feliz… Mas será mesmo possível sermos felizes? Esta é a grande questão.

Eu acredito que sim. Acredito que depende apenas de nós. Acredito que a felicidade é composta por muitos momentos felizes. Quantos mais bons momentos temos, mais felizes somos.

Para sermos felizes temos de aprender a semear coisas boas

Para sermos felizes temos de aprender a semear coisas boas… temos de aprender a produzir químicos no nosso organismo, de forma natural, que nos proporcionam a sensação de felicidade e bem-estar. Para isso temos de sentir emoções boas… Emoções que são saudáveis e nos fazem sentir bem. Temos de ter uma mente abundante…

Por outro lado, temos de aprender a “programar” a nossa mente para sermos felizes. E isso é possível? Todos conseguem fazer isso? A resposta certa é SIM. Hoje vou partilhar contigo 7 coisas que podes fazer, que só dependem exclusivamente de ti e que te permitirão sentir mais feliz.

1 – Praticar a Gratidão

A emoção da gratidão é uma emoção muito forte e ao mesmo tempo positiva para o nosso organismo. Quando nos sentimos gratos, ficamos mais otimistas, mais tranquilos e mais felizes. Por outro lado, quando praticas diariamente a emoção da gratidão, estás a focar a tua mente para o lado positivo da vida. Ficas mais atenta às coisas boas, que correm bem. Como se costuma dizer, “olhas para o copo meio cheio e não meio vazio”.

Por outro lado, com base na física quântica ou na lei da atração, quanto mais nos focamos nos motivos pelos quais nos sentimos gratos, mais atraímos motivos para sermos ainda mais gratos. Segundo a lei a atração, o universo proporciona mais momentos que nos trazem situações para sentirmos gratidão.

Assim, quando mais motivos temos para ser gratos, mais motivos vamos atrair criando assim uma “bola de neve”, cada vez maior, de bons acontecimentos que irão proporcionar motivos para sentirmos essa emoção.

Praticar a gratidão é como iluminar um espaço escuro… Quando colocamos uma luz, por muito pequena que seja, ela vai sempre iluminar a escuridão. Quanto mais praticarmos, mais luz vamos criar… O nosso objetivo deve ser ter sempre muita iluminação para estarmos atentos às coisas pelas quais devemos ser gratos.

Para concluir o ponto relativo à gratidão, todos temos muitos motivos pelos quais devemos ser gratos. Consideramos que tudo é garantido na vida e muitas vezes só se dá valor a coisas simples quando as perdemos… Mas deixo um exemplo tão simples como este: quando estamos constipados e perdemos o paladar, é agradável comer sem sentir o sabor dos alimentos?

Fazer a lista da gratidão e ter presente diariamente na nossa vida é essencial para sermos felizes.

2 – Enfrentar o medo da Crítica

Todos nós somos condicionados por medos. Todos. O medo da crítica é um dos medos mais bloqueadores e frequente na vida das pessoas. Por outras palavras, a maioria das pessoas gere a sua vida em função da opinião que os outros vão ter sobre si. Duvidas? Estás a pensar, “eu não”? Desengana-te. São muito poucos aqueles que são imunes à opinião dos outros.

  • “O que as pessoas vão dizer…”
  • “O que os amigos vão pensar…”
  • “Ai se os meus pais soubessem…”
  • “Não faças isso porque os vizinhos vão pensar o quê…”

Podia continuar com exemplos semelhantes aos que acima enumerei… Daria para escrever páginas e páginas de exemplos. A verdade nua e crua é esta: a maioria das pessoas vive condicionada pela opinião dos outros. Quantos casamentos são vividos de fachada porque o que diriam se os outros soubessem… Quantas famílias vivem acima das suas possibilidades ou compram um carro o qual não têm dinheiro para pagar só para impressionar os outros? Quantos não assumem a sua sexualidade com receio de serem criticados pela sociedade? Quantos não seguem a sua profissão de sonho e que os faria felizes porque isso não corresponderia às expectativas da família e porque a sociedade dá mais “atenção” a um advogado, arquiteto, juiz ou médico do que qualquer outra profissão por exemplo?

ENFRENTA o medo da crítica e deixa de te preocupar com o que os outros vão pensar. A vida é demasiado valiosa para ser vivida pelos outros. Nós somos seres sociais e devemos respeitar e viver em harmonia com os outros. Desde que as nossas ações e decisões não interfiram com o bem-estar de ninguém, desde que as nossas decisões e ações não invadam o espaço de quem nos rodeia, só a nós dizem respeito. Quem perde tempo a falar da vida dos outros, está a desperdiçar o seu bem mais precioso (tempo) colocando a sua vida estagnada e sem felicidade.

Devemos seguir os nossos sonhos e objetivos sem nos preocupar com a opinião dos outros. Pára de agradar aos outros e Ama-te! Ama a tua vida e respeita a tua essência.

3 – Sair da rotina

Faz coisas diferentes. Sai da rotina. Faz coisas que te desafiem. Não tenhas medo das mudanças. Sejam para melhor ou pior sair da rotina é sempre desafiante. Enfrenta. Faz. Não receies o que vem e aceita que será o melhor para ti.

Sempre que perdes tempo a pensar no que tu não podes mudar, estás a desperdiçar o TEU tempo e nunca mais o vais recuperar. Já passou. Já era. Se não o utilizaste da melhor forma, ficaste a perder.

Define o que desejas para a tua vida, foca o pensamento em coisas boas e faz diferente. Atreve-te a viver e não a sobreviver…

Fazer todos os dias as mesmas coisas, e esperar resultados diferentes é insanidade segundo Albert Einstein. Atreve-te a mudar rotinas. Atreve-te a dar mais cor e emoção à tua vida. VIVE e sê feliz!

4 – Não reclamar nem lamentar

Em vez de lamentações e reclamações, sejamos gratos. Sempre que focamos o nosso pensamento em reclamações duas coisas acontecem:

  1. Focamos a nossa mente em coisas negativas… O que acontece a seguir? A nossa mente foca a sua atenção no que é negativo e vai procurar tudo o que de negativo existe à tua volta. Exemplo, uma mulher quando está grávida só vê gravidas por onde passa. Porque será? Será que haverá mais mulheres grávidas? Claro que não. A sua mente é que está focada nisso e procura à sua volta mulheres grávidas. Um outro exemplo são os carros. Quando alguém decide comprar um carro de marca x, o que acontece? Quando vai na rua só vê carros dessa marca…
  2. Quando focas o teu pensamento no que não queres, segundo as leis da física quântica e lei da atração, vais atrair para a tua vida mais acontecimentos que te tragam igualmente coisas negativas como as que tens focado a tua atenção e pensamento.

Resumindo, não reclames nem lamentes. Uma forma de reprogramares a tua mente para ser mais positiva é: sempre que te lamentares ou reclamares pensa de imediato em 5 coisas pelas quais deves ser grato.

5 – Deixar de viver no passado

Existem três tempos diferentes: passado, presente e futuro. O passado já passou e nada podes fazer para mudar. O presente é a única garantia que tens, o aqui e o agora. O futuro não sabes se vai existir.

Se o passado já passou e nada podes fazer para mudar, porque grande parte da maioria das pessoas gasta o seu tempo a pensar no passado? Gasta. Desperdiça. O tempo que gasta a pensar no que aconteceu nada vai fazer para trazer o tempo de volta ou dar oportunidade para mudar.

O futuro deve ser planeado através de sonhos/objetivos, de forma a teres um plano de vida e aproveites da melhor forma o tempo que tens.

O presente, o aqui e o agora, é a tua vida a acontecer. Foca-te no aqui e no agora. Sente os teus sentidos. Respira o ar que te enche os pulmões. Celebra a vida, cada instante que tens e desfruta. Nem tu nem ninguém sabe o seu prazo de validade. Se assim é, vamos aproveitar o tempo do aqui e do agora ao máximo. Vamos viver e desfrutar da vida, construindo momentos felizes e abundantes. Tu tens a capacidade de pensar o que quiseres, não deixes que a mente controle os teus pensamentos, que controle a tua felicidade nem a tua vida. Assume o controlo e resgata o teu poder.

6 – Falar de forma positiva

Estamos, desde que nascemos, rodeados de palavras e expressões negativas. Todo o discurso que habitualmente nos rodeia tem foco no negativo. Porém, está provado pela ciência que as palavras que dizemos, não apenas têm forte impacto na nossa mente, bem como transformam matéria.

Ora vejamos, se dizes algo negativo tal como “estou sem energia”, geraste um pensamento para o dizer, sentiste gerando uma emoção e ouviste, originando um reforço do pensamento. A mente vai assumir o quê? Que estás sem energia, logo fica preguiçosa, e reforça a sensação de que não tens energia para fazer nada… Faz sentido?

Por outro lado, as palavras que são ditas, são vibrações que enviamos para o universo. De acordo com a física quântica e com a lei da atração, o que é que acontece? O universo vai colocar na tua vida mais situações para que fiques sem energia.

Temos de ter muito cuidado com o que dizemos. Podemos sempre passar a mesma mensagem utilizando palavras e expressões positivas. Neste exemplo que dei, tanto podemos dizer “estou sem energia” como podemos dizer “vou carregar energias”.

Quando falas pela positiva, dá enfase às palavras. Carrega o significado. Se o universo nos dá o que atraímos, vamos pedir o melhor possível. Por exemplo, em vez de dizeres “eu estou bem” podes dizer “eu estou fantástica”.

7 – Endireitar a postura

Algo tão simples como endireitar as nossas costas tem um impacto muito significativo na produção de hormonas no nosso organismo.  Muitas pessoas têm tendência a andarem curvadas, ombros descaídos, andam a olhar para o chão ou com o queixo para baixo… Estes são apenas alguns exemplos de posturas habituais incorretas. Se andarmos de costas eretas, queixo levantado, olhar no horizonte e ombros para trás, a nossa mente interpreta a postura corporal como significado de confiança, motivação, entusiasmo e reforça a produção das hormonas (químicos) que nos vão reforçar a sensação de bem-estar, motivação e felicidade.

Quantas vezes quando éramos crianças nos disseram: “olha por onde andas senão cais! ”Eu agora te digo: “Olha em frente, para o infinito e acredita que é possível!”

As sete formas de reforçar a construção de uma vida feliz são simples de aplicar e estão ao alcance de todos. É fácil? Depende exclusivamente de ti. Se decidires que queres ser mais feliz, és.

Queres ser mais feliz? Queres construir uma vida mais abundante? Só depende de ti.

O teu momento é o AQUI e o AGORA! Esta é a TUA vida! Aproveita-a bem!

 

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.