fbpx

✏️ Se fosse contigo, o que fazias?

✏️ Se fosse contigo, o que fazias?

Imagina que ajudas alguém…
Essa pessoa estava mesmo a precisar da tua ajuda…
E tu, dás o melhor de ti…
Dás tudo, muito mais do que o que ela pediu ou pensou receber…
Ajudas mesmo…
Imagina que é o teu trabalho, seja ele qual for.
Imagina que tudo o que essa pessoa esperava é superado.
Corre ainda melhor do que o que ela pensou…
Deste muito, mas muito mais…
Mas…
Há um mas…

Rapidamente essa pessoa a quem deste tudo, habituou-se à vida melhor que passou a ter…
Essa pessoa rapidamente habituou-se a sentir-se melhor…
Rapidamente se esqueceu como estava antes…
Rapidamente começou a sentir que quer mais…
Que o que tem já não chega…
Esqueceu-se que antes de tu lhe dares a mão, ela estava mal…

Sabes o que acontece a seguir?
Ela começa a comparar-se com quem está melhor e reclama…
Critica…
Quer mais…
Vai ter contigo e pergunta-te porque não a ajudas mais.
Essa pessoa fica até um pouco zangada contigo porque quer mais e tu não dás…
Acha que tu és uma pessoa injusta porque não a ajudas mais…
Pior…
Começa a olhar para outras pessoas que estão ainda melhor e critica-as…
Reclama…
Acha que elas têm mais sorte…
Mais ajudas que ela…

Agora pensa…
Quantas são as pessoas que já estiveram mal ou pior nas suas vidas, e existiram melhorias…
De início sentiram-se felizes porque ainda se lembravam do antes…
Mas rapidamente habituam-se ao que é melhor…
Rapidamente esquecem-se da sua evolução e esquecem-se de ser gratas…
Gratas pelas melhorias que tiveram.
Gratas pela “sorte” que alcançaram…
Gratas pela ajuda que receberam…

Sabes, isto está constantemente a acontecer na vida…
Nada é garantido, mas quase todas as pessoas dão tudo por garantido…
Pensam sempre no que querem e esquecem-se do que têm de dar em troca…
Tudo na vida tem um preço…
Para recebermos na vida é essencial em troca sentirmos gratidão…
Gratidão aquece-nos o coração e abre os nossos olhos para a verdade…

A verdade de que tudo o que somos fazemos e recebemos pode desaparecer a qualquer momento…
A vida acontece e ninguém consegue prever…
Mas quando somos genuinamente gratos, não nos queixamos…
Não nos enchemos de orgulho e ego e fazemos exigências…
Não nos achamos donos da razão, mas sim humildes seres que têm a sorte de estar vivos…
De celebrar a vida…
De sermos gratos pelo muito ou pouco que tivermos…
Pois pobre será sempre aquele que nunca é grato e rico será aquele que sempre enche o coração de gratidão.

Se te estás a perguntar porque motivo hoje escrevo sobre isto…
Não sei…
Sinceramente não aconteceu nada que me fizesse pensar nisto…
Mas vejo tanta ingratidão todos os dias que pensei…
Se eu fosse a vida, o universo, como reagiria a tanta ingratidão?
Como tu reagirias se desses, desses, e desses e continuasses a dar, e a receber atitudes de pura ingratidão?
Vivemos num mundo onde a critica, os julgamentos e as reclamações estão sempre presentes…
Calma…
Respira…
Olha para ti e para o que podes fazer para criar a tua melhor versão…
Cada um deve olhar para si mesmo e ver as melhorias que pode fazer em si…
Criticar e exigir dos outros é para as pessoas fracas…

As verdadeiras pessoas vencedoras, felizes e abundantes, olham exclusivamente para as melhorias que elas próprias podem fazer em si…
Pois para melhorar a nossa vida a fórmula do sucesso está em nós…
E isso minha querida, é uma dádiva…

👉 Faz sentido para ti?
Deixa o teu comentário.

Tem um dia maravilhoso e sê feliz!

Márcia Melo, a tua mentora
Psicologia, Coaching e Física Quântica (Lei da Atração)

PS – Descobre como acordar todos os dias com motivação, alegria e energia https://psic.marciademelo.com/registodespertaoteupoder

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.